Pós-graduação

Cinema e Produção Audio-Visual na Educação

Gratuito
13
  • Habilitação: Cinema e Produção Audio-Visual na Educação
  • Modalidade: Pós-graduação lato sensu
  • Instituição: Faculdade Casa Branca – FACAB
  • Credenciamento: Portaria MEC nº 1.578, de 28/10/1999, publicada no D.O.U. de 03/11/1999.
  • Carga horária total: 420 Horas
  • Modalidade: Presencial

Objetivo

Oferecer aos alunos e profissionais interessados no tema subsídios para o conhecimento da linguagem audiovisual, com vistas ao desenvolvimento de uma postura crítica diante da mídia, tanto na leitura como na produção audiovisual em ambientes educativos. Tomando como base a forte influência do audiovisual no cotidiano das pessoas – educadores e educandos – a proposta do curso é ampliar o repertório da cultura audiovisual, de forma que cada educador construa sua própria relação com as obras, auxiliando sua prática e aguçando sua sensibilidade para leitura do mundo contemporâneo.

Público-Alvo

Profissionais da área da Educação e outros interessados no tema, portadores de diploma de curso superior devidamente reconhecido.

Investimento*

Pós EAD: R$200,00 + 12x R$99,00

Pós EAD + 4 Extensões**: R$200,00 + 12x R$119,00

Pós Presencial + 4 Extensões**: R$200,00 + 12x R$149,00

Pós EAD + 4 Extensões** + 3 Publicações de Artigo: R$200,00 + 12x R$159,00

* Valor pago até o vencimento
** 2 extensões de 120h e 2 de 45h

 

Eu li e concordo com os termos de contrato do curso

  • História do Audiovisual

    36 Horas - História do cinema no mundo e sua influência nas formas de leitura da sociedade no Século XX. O cinema como matriz da linguagem audiovisual contemporânea, influenciando as produções televisivas, publicitárias, os clips até chegarmos às redes sociais contemporâneas. história do cinema no Brasil. A força do audiovisual, em especial a televisão após os anos 1970, na formação das crianças e jovens brasileiros.

    Nenhum item nessa sessão
  • Audiovisual como Ferramenta Pedagógica

    36 Horas - As relações entre a cultura audiovisual e a cultura escolar, parcerias e desconfianças. A ausência da linguagem audiovisual no currículo e os preconceitos acumulados nessa relação. Como fazer do cinema e dos outros produtos audiovisuais um instrumento de conhecimento e desenvolvimento da criticidade.

    Nenhum item nessa sessão
  • O Audiovisual e a Documentação Pedagógica

    36 Horas - Reconhecimento do repertório individual e de seus estudantes; Nascimento da imagem em movimento; A imagem e o som na construção da narrativa; Possibilidades narrativas (Ficção, Não Ficção, Documentário, Animação); Exibição de trechos de filmes com linguagens e narrativas distintas; Enquadramentos; Escala de planos e suas possibilidades expressivas; Meios de difusão (Cinema, TV, DVD, Internet, Streaming). Apropriação das diferentes formas de registro - escrito e/ou audiovisual - pelo profissional da educação possibilita, de um lado, tornar visível o pensamento, as hipóteses, as aprendizagens e o protagonismo das crianças e de outro, se revela um instrumento vital para a criação de uma prática educativa, reflexiva e democrática, à medida que permite a(o) educador(a) conhecer a criança e a si mesmo.

    Nenhum item nessa sessão
  • Produção Audiovisual para Infância

    36 Horas - Reflexão sobre a influência da mídia em nossa formação cultural, na transmissão de valores e construção de nossa leitura de mundo. Representações das crianças e jovens difundidos pela mídia hegemônica. O papel da escola diante desse cenário. Audiovisual e cidadania. Reflexões sobre critérios de produção audiovisual de qualidade para crianças de todas as idades; referenciais de um repertório audiovisual com diversidade temática e estética; A necessidade de ampliação do repertório audiovisual dos professores para que se possa apresentar produções de qualidade às crianças.

    Nenhum item nessa sessão
  • Produção Audiovisual na Escola

    36 Horas - A importância da montagem na condução do espectador; a importância do áudio na construção do espaço fílmico; ângulo e posição da câmera; profundidade de campo e uso das “bordas” do quadro. Etapas para a produção de conteúdo audiovisual: produção; roteiro; fotografia; luz; som; direção de arte; edição/montagem; plataformas de divulgação e; equipamentos necessários. Enquadramentos; Escala de planos e suas possibilidades expressivas;

    Nenhum item nessa sessão
  • Linguagens Midiáticas na Educação

    36 Horas - A utilização das linguagens midiáticas tem como objetivo aproximar e entrelaçar o relacionamento entre alunos e professores no ambiente escolar. Seu uso é considerado como uma ferramenta facilitadora na aproximação de ambos, fazendo com que partilhem um universo mais abrangente dos letramentos, e percebam-se como interlocutores capazes de, em colaboração, adentrar novas esferas e gêneros nos quais as tecnologias da informação exercem um papel significativo.

    Nenhum item nessa sessão
  • Didática do Ensino Superior

    36 Horas - Pressupostos e características da didática. O contexto da prática pedagógica. A construção de uma proposta de ensino/aprendizagem. O trabalho didático e o comprometimento com a totalidade do processo educativo. Sistematização do conteúdo e formas de construção do conhecimento. Tendências pedagógicas no processo de ensinar e aprender: prática docente. Planejamento de ensino: conceito, características, tipos, elementos estruturais-objetos, conteúdo, procedimentos e avaliação.

    Nenhum item nessa sessão
  • Psicologia da Aprendizagem

    36 Horas - Ensino e aprendizagem na Universidade. Criatividade na sala de aula. A importância de fatores motivacionais. Elementos do processo ensino-aprendizagem com adultos. A pesquisa psicológica na aprendizagem de adultos. Mecanismos Psicológicos da Aprendizagem e o processo de informações. As principais teorias da aprendizagem.

    Nenhum item nessa sessão
  • Metodologia da Pesquisa

    36 Horas - Pesquisa cientifica: conceito científico de pesquisa, ética e tipos de pesquisa. Projeto de pesquisa: elementos, projeto bibliográfico. Escolha e análise de tema. Procedimentos para coleta de dados; organização, apresentação, análise e interpretação de dados; Referências; Regras e normas para apresentação de trabalhos científicos.

    Nenhum item nessa sessão
  • Antropologia

    36 Horas - As correntes do pensamento antropológico no que diz respeito à descrição, interpretação e análise das formas de organização social dos agrupamentos humanos. As correntes do pensamento antropológico no que diz respeito à descrição, interpretação e análise das formas de organização social dos agrupamentos humanos. Os debates que marcaram a trajetória da disciplina e as noções-chave da Antropologia Social. Oscilação das abordagens entre o funcionalismo, estrutura e o processo como instrumentos analíticos para compreender as dinâmicas sociais na experiência humana. Conceitos de parentesco, trocas materiais e simbólicas, constituição social da pessoa, pensamento simbólico, mito e ritual, permanência e mudança. As noções de alteridade e etnocentrismo, a formação de representações e identidades sociais, os encontros interculturais. Apresentação da Antropologia como ciência do “outro” e introdução ao método etnográfico

    Nenhum item nessa sessão

Instrutor